sexta-feira, 4 de março de 2016

mulher


preta

pobre
nordestina



o corpo
exposto
não nega



sou da resistência
sou da massa



sou coração valente.

Nenhum comentário:

Postar um comentário